Amazonas Política

Wilson Lima recebia salário de assessor especial na gestão de Amazonino Mendes

No ano de 2009 o candidato a governador Wilson Lima do PSC, que em sua campanha usa o bordão de Ficha Limpa, ocupou dois cargos comissionados na prefeitura de Manaus quando o atual governador do Amazonas, Amazonino Mendes (PDT) era prefeito, sendo que, os dois cargos ocupados pelo jornalista eram em tempo integral. Coincidentemente, nesse mesmo período era repórter em um emissora local durante o dia e pela noite cursava jornalismo. Em oito meses de cargo comissionado, Wilson Lima chegou a receber mais de R$24 mil durante esse período.

O jornalista exercia a função de Assessor I, no gabinete civil, cargo que é considerado como de alta importância dentro da estrutura do poder executivo do município. Tudo isso na última administração de Amazonino Mendes que ocorreu nos anos de 2009 até 2012. O pagamento mensal de Wilson Lima era de R$2.682, mais R$ 242 de vale refeição e mais R$167,20 de vale transporte.

Em entrevista a um portal local, Wilson Lima apresentou seu histórico profissional onde não constava a participação comissionada no cargo de assessor do governo do então prefeito Amazonino Mendes. De acordo com o DOM, o jornalista foi nomeado como assessor técnico CAD 3. Foi exonerado e nomeado como Assessor I CAD 3, ficando no cargo até o dia 13 de novembro de 2009.