Parlamentares usam dinheiro público para abastecer em posto de deputado que foi condenado por formação de quadrilha

por admin
Parlamentares usam dinheiro público para abastecer em posto de deputado que foi condenado por formação de quadrilha

No mês de fevereiro deste ano, sete deputados estaduais gastaram R$ 47.992,93 em combustíveis utilizando o orçamento da Cota para Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap) em uma única empresa, de acordo com o portal da transparência da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM): Abdala Fraxe,  David Almeida (PSD), Dermilson Chagas (PEN), Serafim Corrêa (PSB), Orlando Cidade (PTN), Platiny Soares (DEM) e Wanderley Dallas (PMDB).

A empresa Cidade Comércio e Petróleo LTDA, escolhida pelos parlamentares para fazer o abastecimento de combustível, pertence a familiares do deputado Abdala Fraxe (PTN).

Fraxe foi condenado em 2011 a seis anos e meio de prisão, em regime semi-aberto, por formação de quadrilha e crime contra a ordem tributária, por cartel em postos de combustível. No ano de 2013, o  Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) impôs a multa de  R$ 800 mil pelo mesmo motivo da condenação, uma vez que em 1999 era dirigente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Amazonas (Amazonpetro). Atualmente, o parlamentar é o segundo vice-presidente da ALE-AM.

Gastos

De janeiro do ano passado a fevereiro de 2017, apenas Abdala Fraxe gastou R$ 97.458,81 da Ceap na empresa Cidade Comércio e Petróleo LTDA, localizada na Avenida Carlota Joaquina – Parque Dez.

Leia também