Com 4 meses de salários atrasados, médicos vão paralisar atendimentos nos hospitais

por Alex Mendes
Com 4 meses de salários atrasados, médicos vão paralisar atendimentos nos hospitais

O Presidente do Conselho Regional de Medicina do Amazonas (CRM), José Berndes Sobrinhos, disse que médicos vão paralisar o atendimento eletivo nos hospitais e pronto-socorros de Manaus. A categoria está há três meses e meio sem receber o pagamento de salários.

Leia também: Omar e Nejmi Aziz são acusados de receber propina de esquema que roubava dinheiro da saúde

José Berndes Sobrinhos, disse que esse é o limite máximo que se pode aguentar. “Três meses  e meio sem pagamento. É uma situação que o conselho, embora preconize que não se deve fazer greve na saúde, por que é uma área de atuação muito importante, mas aí seja preservado somente o atendimento de urgência para que o doente não venha correr risco de vida, e o atendimento eletivo seja paralisado”.  

Leia também: Senador Omar Aziz (PSD) recebia propina da “maus caminhos”, diz delatora

 



Leia também