Opinião

Wilson Lima jogou Luiz Castro para ser devorado pelos lobos

O governador Wilson Lima (PSC) vai passar a semana fora do Amazonas. Coincidência ou não, Wilson Lima viaja  em plena crise da educação. Nesta terça-feira (2), os professores fazem uma grande manifestação em frente a sede do governo. Eles pedem 15% de reajuste salarial, mas Luiz Castro diz que só pode pagar 3,9%.

O secretário Luiz Castro está naquela situação: “Se ficar o bicho pega e se correr o bicho come”. Com as dispensas de licitações milionárias na Seduc e com empresas suspeitas de corrupção, Luiz Castro vem caindo em desgraça e hoje já não pode mais falar grosso nem com a filha do “pedófilo” Adail Pinheiro. Luiz Castro perdeu a legitimidade de apontar o dedo na “cara” dos corruptos porque deixou que lobistas conduzissem os contratos da Seduc.

Luiz Castro perdeu o discurso da mudança e hoje é igual aquele político que antes tanto criticava. Luiz Castro descobriu que não pode mais consertar as goteiras em seu telhado de vidro. Nos bastidores da política, já se comenta que Wilson Lima jogou o “velho comunista” aos lobos para ser devorado e agora resta a Luiz Castro ter a dignidade de procurar uma saída honrosa.

Luiz Castro foi traído pelos mesmos lobistas que um dia ele criticou da tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas.