Após ser picado, homem chega a UPA com cobra de 1,5 metro enrolada no braço

por Naief Queiroz
Após ser picado, homem chega a UPA com cobra de 1,5 metro enrolada no braço

Uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade de Divinópolis, no interior de Minas Gerais, recebeu, na manhã desta segunda-feira (13), um paciente com uma cobra de 1,5 metro enrolada no braço.

A vítima, que tem 65 anos, disse aos médicos que estava em um sítio quando viu o animal e tentou pegá-lo com as mãos, mas acabou levando várias picadas. Ele só se livrou do réptil na porta da unidade de saúde. O Corpo de Bombeiros foi acionado e capturou a cobra.

“Ele pegou a cobra numa posição intermediária e a cobra picou a mão dele. Ele chegou na UPA com a cobra enrolada no braço, e ao ser encaminhado para o atendimento, jogou a cobra na área em frente à unidade e foi para a sala de atendimento”, disse o diretor da UPA, Marco Aurélio Lobão, em uma entrevista à TV Integração .

Ainda segundo a direção da unidade de saúde, o homem foi internado por conta do veneno da cobra, mas passa bem e não corre riscos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a cobra foi encaminhada para o Parque do Gafanhoto.

Leia também