Agressor filmado batendo na ex-namorada é preso após descumprir medidas protetivas

por Naief Queiroz

Foi preso na tarde de segunda-feira, em Anápolis, Goiás, Victor Augusto do Amaral Junqueira, de 24 anos, que foi filmado enquanto agredia a então namorada, a advogada Luciana Sinzimbra, de 26 anos, em dezembro do ano passado.

A Justiça determinou a prisão do filho do ex-prefeito de Anápolis, após ele descumprir medidas protetivas. A juíza Liliana Bittencourt argumenta que Junqueira, que usa tornozeleira eletrônica, teria violado ao menos 12 vezes a regra de sempre se manter a 300 metros distância da ex-namorada. Além disso, por duas vezes ele deixou o aparelho de monitoramento sem bateria.

Após se apresentar na delegacia, ele foi levado a uma Unidade Prisional de Anápolis, onde se encontra à disposição do Poder Judiciário.

No ano passado, após a conclusão do inquérito sobre o caso pela Delegacia da Mulher de Goiânia, o agressor foi indiciado por lesão corporal, injúria, ameaça e violação de domicílio.

Na época, ele se apresentou espontaneamente na delegacia, onde prestou depoimento na presença de um advogado e, em seguida, foi liberado. Victor não tinha antecedentes criminais.

‘Eu vou te bater mais’, diz o agressor no vídeo

O caso teve grande repercussão após as imagens da agressão viralizarem nas redes sociais. Na érpoca, Luciana disse que não divulgou o vídeo mas como elas se alastraram pela web, estava se fortalecendo para “ajudar no combate à violência doméstica”.

A cena de violência mostrava uma discussão entre o casal que, em pouco tempo, passou para a agressão física. Victor desfere golpes na ex-namorada, apesar de seus pedidos para que ele parasse, e, em determinado momento, aperta o pescoço dela com as duas mãos.

“Eu tentei fazer uma surpresa”, diz o autor das agressões, com voz de choro.

Em seguida, Luciana indaga: “E você acha justo chegar aqui e me bater?”.

O ex-namorado responde que acha “super injusto” e ainda acrescenta: “Mas pelo menos acabou”. Depois ele reclama de certa falta de carinho que sentia da parte dela e volta a agredi-la. A jovem pede que pare, mas Victor responde: “Eu vou te bater mais”.

Nervosa e com medo, Luciana exclama: “Você vai me matar desse jeito. Para! Para com isso!”.

Leia também