Brasil

Caso Neymar: Terceiro advogado de Najila abandona a causa


O advogado da modelo Najila Trindade, Danilo Garcia de Andrade, anunciou na noite desta segunda-feira (10/06/2019) que deixou o caso e não vai mais representá-la no caso da acusação de estupro contra o jogador Neymar. Andrade afirmou que tomou a decisão especialmente após a cliente o acusar de planejar um arrombamento em seu apartamento e de roubar o tablet onde estaria um vídeo mostrando o segundo encontro dela com Neymar em Paris.

A informação foi inicialmente divulgada pelo SBT e confirmada pelo Uol Esporte. Em entrevista, o defensor disse: “Devo me tirar do processo. Sim, estou anunciando oficialmente nesta entrevista. Não sou mais”, declarou.

Mais cedo, Andrade havia afirmado que deixaria a defesa do caso se a sua cliente não entregasse o celular ou tablet até a 0h desta segunda. Ele esteve na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, em São Paulo, para defender Najila.

“Vim informar à delegada que eu não tenho o celular, nem o tablet. Ela [Najila] tem até meia-noite de hoje para entregar à delegada ou para mim. Eu me comprometi a trazer. Se não fizer isso até a meia-noite, eu deixo o caso. Não tem como defender uma pessoa que não entrega suas provas”, disse Andrade.

Terceira baixa
Este é o terceiro advogado a deixar o caso que envolve a modelo e o jogador. Antes, abandonaram a causa, por não concordarem com os argumentos colocados por Najila, Yasmin Pastore Abdalla e José Edgar Bueno, que, ao sair da defesa, alertou a cliente a respeito da mudança na versão sobre o que de fato aconteceu entre ela e o atacante ao registrar Boletim de Ocorrência