Amazonas Economia Sem categoria

Para proteger a Zona Franca do Plano Dubai, Marcelo Ramos quer sensibilizar deputados

O jornal Folha de São Paulo, a Sepec (Secretaria de Produtividade, Emprego e Competitividade) prepara um novo projeto de desenvolvimento econômico para a região amazônica. A proposta pode pôr fim aos incentivos fiscais da Zona Franca de Manaus.

Cinco setores econômicos serão incentivados: biofármacos, turismo, defesa, mineração e piscicultura. A ideia é que as empresas que estiverem no PIM (Polo Industrial de Manaus) até 2073 possam gerar os mesmos R$ 25 bilhões de subsídios concedidos pela União.

A proposta foi apelidada de “Plano Dubai” por se referir ao emirado que pôs fim nas reservas de petróleo e gás. Para evitar maiores prejuízos, o emirado investiu em um polo de turismo que movimenta negócios.