Connect with us

Amazonas

Prefeito de Rio Preto da Eva é acusado de desvio de recursos para recuperação de Ramais

Na manhã de ontem, 2 de junho, na comunidade BONS AMIGOS, no km-98, no município de Rio Preto da Eva, a 80Km de Manaus. Os agricultores realizaram uma assembleia para discutir sobre as terras que ocupam. Onde já são plantados verduras, legumes e frutas para o próprio sustento.

Nesta reunião representantes de vários órgãos estavam presentes como: Superintendência do Patrimônio da União(SPU-AM), sendo que as terras que os agricultores ocupam são da União e também o advogado dos agricultores

Ao término desta reunião por volta das 13h o prefeito da cidade chega ao local escoltado por toda a segurança do município como: a polícia militar, a aguarda municipal, os vereadores que o apoiam na câmara, os secretários e o delegado da cidade toda esta logística a para “intimidar” informa os agricultores

Os organizadores da assembleia deu uma parte para o prefeito se explicar pelo motivo de não está amparando os agricultores em sua gestão

No meio de sua explicação foi interrompido pelos agricultores ”visitamos o site da transparência vimos os recursos que a vossa senhoria recebeu e não repassou para nós”

Ano passado o Prefeito da cidade, Anderson Sousa (Pros), firmou um convênio com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), por meio do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), no valor de R$ 17 milhões para recuperação de dez ramais no município, mas a situação dessas estradas continua péssima e impossível de trafegar.

Depois de ser desmascarado e debaixo de uma vaia o prefeito e toda sua equipe se retirou.

Fonte: Notícias do Poder

Advertisement

Leia Também

Copyright © 2021 Observatório Manaus - Desde 2012