Ministério Público denuncia apresentador do SBT por injúria racial contra Ludmilla

por Naief Queiroz
Ministério Público denuncia apresentador do SBT por injúria racial contra Ludmilla

Kelly Miyashiro no site Notícias da TV informa que o Ministério Público do Rio de Janeiro denunciou Marcos Paulo Ribeiro Morais, o apresentador do SBT Marcão do Povo, por injúria racial contra a cantora Ludmilla. A 30ª Promotoria de Investigação Penal da 1ª Central de Inquéritos apresentou a denúncia por causa dos comentários feitos pelo jornalista em 2017, durante o jornal Balanço Geral DF, da Record.

De acordo com a publicação, na ocasião, Marcão se referiu à funkeira como ‘pobre e macaca’ enquanto comentava uma reportagem sobre ela. A denúncia foi publicada nesta quinta-feira (11). Marcão do Povo chegou a prestar depoimento e admitiu o uso das expressões, mas alegou, na época, que não teve inteção de ofender Ludmilla. A Record tomou a decisão de demitir o apresentador por causa do comentário, mas o SBT o contratou logo em seguida para apresentar o telejornal Primeiro Impacto.

De acordo com o Código Penal, injúria consiste em ofender alguém usando de elementos referentes a raça, cor, etnia, religião, origem, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência. Se houver condenação, a pena prevista é de reclusão de um a três anos, além de multa, completa o site.

Leia também