Mulher é atacada por arraia enquanto brincava com filha em praia de Manaus

por Naief Queiroz
Mulher é atacada por arraia enquanto brincava com filha em praia de Manaus

Simone Barbosa, 33, foi atacada por uma arraia durante um passeio com a família a uma das praias privadas mais procuradas do Amazonas, a Praia do Japoneses. O local coleciona outras incidentes semelhantes, mesmo assim não possui placas de sinalização alertando os banhistas dos riscos na área.

No caso da administradora, o ataque ocorreu há alguns dias, mas as consequências ainda estão sendo sentidas.  Simone conta que na ocasião ela brincava na água com a filha de oito anos e quando se preparava para sair, já na margem do rio, sentiu uma forte ferroada na perna. Simone só conseguiu gritar para que a avó pegasse a menina.

Aos prantos a mulher pediu ajuda aos proprietários, mas de acordo com ela, nenhum tipo de socorro foi prestado no local. Simone conta que não havia nenhum tipo de socorrista na praia e que o estabelecimento também não contava com sequer um kit de primeiros socorros.

Carregada pelo esposo da prima ela precisou ser levada para um pronto-socorro : “Chegando no SPA, fui atendida, anestesiada, e logo foi constatado que foi uma ferroada de arraia, e retiram o esporão da arraia. A dor era tanta, que em meu desespero, arranhava meu rosto, meus braços, puxava meu cabelo, apertava minha tia e a maca do hospital se movia, tamanha era minha dor naquele dia”.

Por conta do ataque, a administradora está afastada do trabalho. Após compartilhar o relato nas redes sociais, várias denúncias começaram surgiram contra a administração do estabelecimento.

Muitos banhistas informaram que acidente com arraias são constantes no local, porém, não há avisos ou placas informativas para alertar os frequentadores. Mesmo em áreas rasas, o animal costuma aparecer e ferir os banhistas. Por isso, é preciso estar atento e cobrar providências.

Veja as Imagens:

Fonte: Portal do Holanda

Leia também