Juiz recebia R$ 80 mil para não julgar processos contra Adail Pinheiro e sua família

por redacao obs
Juiz recebia R$ 80 mil para não julgar processos contra Adail Pinheiro e sua família

Os órgãos jurídicos do município de Coari parecem ter fechado os olhos para os casos de corrupção envolvendo a família Pinheiro. Conforme o MPE-AM (Ministério Público do Estado do Amazonas), o juiz Fábio Alfaia se tornou amigo do ex-prefeito Adail Pinheiro e de seus filhos, Adail Filho – atual prefeito do município – e Mayara Pinheiro – eleita deputada estadual com maior votação nas eleições passadas. Fábio recebia R$ 80 mil para não julgar os processos contra a família.

O promotor do município, Wesley Machado, afirma ter sido procurado pela família Pinheiro e ter recebido a proposta de R$ 1,5 milhão para não atuar contra Adail Filho. Por não aceitar o dinheiro, Wesley recebeu várias ameaças e teve de deixar Coari, por questões de segurança.

Leia também