“Trago de volta a pessoa amada”: promessa não foi cumprida e cliente recebeu indenização

por Naief Queiroz
“Trago de volta a pessoa amada”: promessa não foi cumprida e cliente recebeu indenização

Muita gente aciona o esoterismo para sondar se o período está favorável, ou não para o trabalho, amor, família. O que os astros reservam para o dia ou a semana… E tem algumas empresas que se dedicam inteiramente a esse tipo de atendimento, Sixth Sense.

Um desses clientes que buscou auxilio da organização russa especializada em serviços extra-sensoriais, adivinhação, espiritismo e astrologia, processou a Sixth Sense.

Agora, a empresa terá que pagar uma indenização por não ter conseguido trazer a esposa do homem, que o havia deixado em agosto de 2017.

Ele encontrou esperança em um anúncio de TV que prometia ajudar pessoas a reconquistar esposas e amantes.

Com nada mais para se agarrar, o homem desesperado imediatamente ligou para a empresa, e foi informado pela gerente que poderia trazer sua esposa de volta, já que ela possuía um certo conhecimento sensorial mágico que a ajudou a lidar com semelhantes casos anteriores.

Mas, como você já deve ter adivinhado, a mágica custou caro, e ele foi cobrado a pagar uma taxa de 260.332 rublos (algo em torno de 15 mil reais) para recuperar a amada esposa.

De acordo com o contrato com Sixth Sense, a empresa prometeu a ele nomear especialistas para o caso na área extra-sensorial, bioterapêutica, adivinhação, espiritismo ou astrologia, mas o homem disse ao tribunal que não recebeu nenhum desses serviços

Depois de enviar uma queixa por escrito ao Sixth Sense exigindo o retorno de sua esposa ou seu dinheiro de volta -sem nenhuma resposta, o cliente levou a empresa à justiça.

Depois de analisar o caso, o Tribunal Kuybyshevsky de Omsk não encontrou provas de que quaisquer dos serviços prometidos fora prestado e ordenou que a empresa pagasse ao queixoso 400.000 rublos (24 mil reais) como compensação.

Curiosamente a Rússia é atualmente um mercado em expansão de tais serviços extra-sensoriais, devido à popularidade de programas de TV com “desafios psíquicos”, cujos participantes afirmam ter todos os tipos de poderes sobrenaturais.

Infelizmente, o homem não conseguiu a esposa de volta, mas conseguiu lucrar com o processo.

Leia também