QUEIMADO VIVO: Jovem é morto por adolescentes

por Naief Queiroz
QUEIMADO VIVO: Jovem é morto por adolescentes

Um jovem de 18 anos, identificado como Samuel Rodrigues de Carvalho Campos, morreu após ser esfaqueado e queimado dentro um parque ecológico em Piedade, no interior de São Paulo, no sábado (14). De acordo com a polícia, uma equipe da Guarda Municipal foi acionada para atender uma ocorrência no Parque Ecológico Collemar de Miranda Botto, no bairro do Poço, quando encontrou um adolescente, suspeito de ter atacado o rapaz. Ele também apresentava ferimentos pelo corpo.

Aos guardas, o suspeito disse que a namorada, uma jovem que também estava no local, sofreu tentativa de estupro. De acordo com os oficiais, o adolescente contou que entrou em luta corporal com Samuel e, por esse motivo, também estava ferido.

Ao realizar buscas pelo parque, homens da Guarda localizaram o adolescente de 18 anos gravemente ferido em uma área de mata. Ele foi socorrido em estado grave e encaminhado à Santa Casa  Piedade, sendo transferido posteriormente ao Hospital Regional, em Sorocaba.

Ainda no hospital, o jovem relatou aos policiais que foi vítima de uma emboscada ao ser atacado pelo casal de menores. Após a elucidação dos fatos, a polícia decretou a prisão dos dois menores encontrados na mata.

No local do crime, foram apreendidos uma mochila com marcas de sangue e duas facas.

Na tarde deste domingo (15), a mãe de Samuel usou uma rede social para comunicar que o filho não resistiu aos ferimentos e teve falência múltipla dos órgãos.

Em nota, a Prefeitura de Piedade se manifestou sobre o crime. “A Prefeitura lamenta profundamente o ocorrido. O vigia do Parque acionou a Guarda Civil Municipal (GCM), que esteve no local e prontamente tomou as providências com a apreensão dos dois menores, além de solicitar o SAMU para atendimento ao cidadão agredido”,  diz trecho do comunicado.

Leia também