Serial Killer corta rapaz em pedaços com motosserra após ser chamado de “corno”

por Naief Queiroz
Serial Killer corta rapaz em pedaços com motosserra após ser chamado de “corno”

Um homem de 26 anos é suspeito de ter matado, nessa terça-feira, um colega de trabalho com uma motosserra em São Joaquim (SC). O caso ocorreu em uma área de reflorestamento que fica na região serrana do estado. As informações são do jornal O Dia.

De acordo com a Polícia Militar, o suspeito empurrou o colega do cavalo após uma discussão. Em seguida, ligou uma motosserra e o golpeou no pescoço. A vítima, identificada como Luiz Branco Machado, de 37 anos, morreu no local.

Ele confessou o crime. Em depoimento, disse que o colega o teria ofendido. Luiz Branco teria chamado o suspeito de “corno” e “vagabundo“, além de ter xingado sua mulher.

Após o assassinato, o suspeito tentou esconder o corpo da vítima com palha. Um outro trabalhador do local, contudo, entrou em contato com o chefe, que acionou a polícia militar. O homem também tentou se esconder dos agentes em uma casa utilizada como alojamento de funcionários. Ele foi encontrado e preso em flagrante.

Leia também