Deslumbramento derruba Vicente e enfraquece Onyx na Casa Civil

por Naief Queiroz

Vinícius Santini foi demitido do cargo de secretário executivo da Casa Civil em razão do seu deslumbramento, “doença” que acomete novatos na política. Na definição cuidadosa de um general com gabinete no Planalto, Santini andava deslumbrado e “pouco efetivo” na missão. “Ele tinha muita preocupação em viajar e pouca em fazer entregas naturais do cargo”, completou. O episódio serviu também como advertência para Onyx Lorenzoni, ministro sem muito o que fazer na Casa Civil. A informação é de Cláudio Humberto, colunista do Diário do Poder.

Lorenzoni ficou espantado com a demissão de Santini, pelas ligações ao deputado Eduardo Bolsonaro – que, aliás apoiou a decisão do pai.

Paulo Guedes abrir champanhe com o desgaste de Onyx, contra quem luta para comandar o Programa de Parcerias e Investimentos (PPI).

Leia também