Pai e filha de 13 anos vão para hotel juntos e funcionários desconfiados chamam a polícia

por Naief Queiroz

Atualmente existem diversos casos de abuso infantil pelo mundo, o que é considerado crime com pena de prisão. Por esse motivo, a polícia tem se tornado cada vez mais atenta ao comportamento de pessoas que possam parecer suspeitas, já que geralmente a vítima fica impossibilitada de se comunicar com autoridades. Mas no caso dos protagonistas dessa história, o desfecho foi bastante diferente do esperado.

Jon Coupland tem 58 anos de idade. Ele mora no condado de Lincolnshire, na Inglaterra e precisou fazer uma viagem de negócios para Nottingham. Como o homem era pai solteiro, ele precisou levar consigo sua filha Jessica, de 13 anos de idade.

Ele escolheu o hotel no qual ficaria com a sua filha e ao chegar ao Jury’s Inn, local que estava prestes a reservar, nem imaginava que iria passar por um dos maiores perrengues de sua vida.

Antes de fazer o check-in de pai e filha, o recepcionista, do hotel pediu que o homem mostrasse um documento de identificação, após ver que Jessica era menor de idade e achar a situação suspeita.

Mesmo sem entender o motivo de ter que mostrar o tal documento, Jon apresentou sua CNH e finalmente pôde ir com sua filha para a acomodação. Menos de uma hora depois, quatro policiais chegaram ao quarto para interrogar o homem sobre a garota que estava com ele.

Após explicar que Jessica era sua filha, Jon conseguiu ficar em paz com a adolescente. Depois que tudo foi resolvido, o homem se manifestou na internet e se mostrou bastante indignado com a atitude dos funcionários da acomodação e da polícia. Procurada, a gerência do hotel não quis dar informações e nem se pronunciar sobre o ocorrido.

Leia também