Esquerda usa suposto print no WhatsApp para atacar o presidente Bolsonaro

por Naief Queiroz
Esquerda usa suposto print no WhatsApp para atacar o presidente Bolsonaro

Opositores do presidente da República, Jair Bolsonaro, estão utilizando as redes sociais, na noite desta terça-feira (25), para lançar ataques com base em reportagem da repórter Vera Magalhães, do jornal Estadão.

Em texto publicado horas atrás, Magalhães divulga o print de um mensagem supostamente enviada por Bolsonaro no aplicativo WhatsApp.

Na suposta mensagem, Bolsonaro convoca a população para os protestos agendados para o dia 15 de março contra a atuação recente do Congresso Nacional.

Apesar de a veracidade do print não ter sido confirmada, esquerdistas brasileiros não perderam tempo e já estão atacando o chefe do Executivo.

Abaixo citamos alguns exemplos de opositores criticando o presidente do Brasil:

FHC

A ser verdade, como parece, que o próprio Pr tuitou convocando uma manifestação contra o Congresso ( a democracia) estamos com uma crise institucional de consequências gravíssimas. Calar seria concordar. Melhor gritar enquanto de tem voz, mesmo no Carnaval, com poucos ouvindo.

Ciro Gomes

Acredito na seriedade da jornalista @veramagalhaes . Se o próprio presidente da República convoca manifestações contra o Congresso e o STF, não resta dúvida de que todos aqueles que prezam pela democracia devem reagir. (…)

Paulo Pimenta

Jornalista @veramagalhaes informa que @jairbolsonaro divulga vídeo, do seu próprio celular, em grupos de WhatsApp, convocado atos contra o Congresso e o STF. Atentar contra a democracia e o Estado Democrático é crime de responsabilidade. Se nos calarmos seremos cúmplices !!

Leia também