MC Damares: Ministra quer lançar músicas pregando abstinência sexual

por Naief Queiroz

A ministra Damares Alves, da Mulher, da Família, e dos Direitos Humanos, disse durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira (3) que pretende lançar músicas para estimular “reflexão” sobre a prática sexual. Damares defende que a abstinência sexual é o melhor caminho para evitar gravidez precoce.

Sem mencionar preservativos, a ministra fez uma apresentação da nova campanha lançada pelo ministério. Criticada por diversos especialistas, Damares disse que a ideia não é “uma loucura de uma ministra moralista, fundamentalista” e que conversou com “muita gente” para aderir ao “reflita, pense duas vezes”.

A pastora pensa em distribuir cartilhas em escolas para “estimular a reflexão” e também lançar músicas. “Vamos sim para cartilhas, para escolas, para rodas de conversa com adolescentes. Vamos convidar a arte, as músicas, em vez de cantar só a exaltação do sexo para as novinhas, por que não vir novas músicas?”, declarou.

A frase da ministra se espalha em declaração dada pela secretária Nacional de Juventude, Jayana Nicaretta, que disse que “as músicas só falam da parte boa da prática sexual” e que não há “música falando de todas as ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), ou do impacto da gravidez precoce”.

Defensoria Pública da União formalizou na última sexta-feira uma recomendação ao Ministério da Saúde para que não fosse lançada a campanha, ressaltando que não existem evidências científicas que comprovem a eficiência do método.

Com informações da Folha de S. Paulo

Leia também