Idosa é morta por namorado 36 anos mais jovem que ela

por Naief Queiroz
Idosa é morta por namorado 36 anos mais jovem que ela

Nair uma idosa de 69 anos era aposentada não trabalhava mais e morava sozinha, a idosa não tinha filhos, mas tinha sobrinhos que moravam perto da casa dela, e de uma forma ou de outra cuidavam dela.

A idosa passa a maior parte do seu tempo em casa cuidando de alguns afazeres pois ela tinha alguns problemas de saúde, inclusive tuberculose e era muito debilitada devido aos problemas de saúde e a sua idade avançada.

Nair então resolveu se inscrever em um projeto escolar dedicado a pessoas que não terminaram o ensino fundamental e ensino médio, pois ela queria usar uma parte de seu tempo para aprender mais.

Foi então que neste curso ela conheceu Diogo de 36 anos se encantou pelo rapaz e começaram um relacionamento amoroso, a família não era a favor dessa relação entre a idosa e o rapaz, pois todos sabiam que o interesse dele na idosa era por dinheiro já que ela era aposentada.

Mas Nair não se importava com a opinião da família e decidiu aceitar que Diogo fosse morar em sua casa, após ele ser expulso de casa pela família. Os sobrinhos contam que por várias vezes a idosa reclamou que Diogo agredia com empurrões e a maltratava e certa vez chegou até dar um tapa nela, eles contam também que tentavam conversar com a Nair e convencê-la de terminar a relação pois poderia acabar sendo morta pelo tal companheiro, mas ela não dava ouvidos aos familiares e amigos.

O rapaz não trabalhava e por várias vezes a idosa fez empréstimos para sustentar o parceiro e ela por estar iludida achava aquela situação normal e o aceitava assim mesmo. Foi quando em uma manhã vizinhos ouviram o casal brigando e discutindo mas não deram ouvidos já que sempre discutiram em casa, mas tudo começou a ficar estranho quando o som da casa da idosa foi ligado em um volume muito alto, coisa que não era normal acontecer.

Vizinhos contam que o som ficou ligado por um longo tempo do dia, e naquele mesmo dia o pior aconteceu, Diogo então matou a idosa, logo depois de cometer o assassinato, Diogo saiu na rua aparentemente assustado, dizendo que Nair tinha se matado.

Foi quando a família achou suspeito e resolveu chamar a polícia e logo foi constatado que Diogo a matou com uma facada em seu peito, e o que a família temia, havia acontecido Nair tinha sido assassinada pelo seu companheiro.

Antes da polícia chegar de o acusado tentou fugir mas a família da idosa o impediu. Ele foi preso por feminicídio assassinato e violência doméstica.

Leia também