Parintins entra em toque de recolher a partir desta noite (25/03) e multas podem chegar a R$ 600

por Naief Queiroz

Por meio de decreto, a Prefeitura de Parintins deu início nesta quarta-feira (25) ao toque de recolher no município pelo prazo de 14 dias. A decisão segue recomendações do Ministério Público do Estado do Amazonas.

Segundo a ordem, fica instituído, a partir desta quarta o toque de recolher das 20h às 06h no perímetro urbano. Fica proibida a circulação e permanência de pessoas em praças públicas, ruas e logradouros durante a vigência do toque de recolher. A ação visa coibir aglomerações e a proliferação do coronavírus no município.

O descumprimento da determinação acarretará em multa de R$ 300,00 na primeira notificação e R$ 600,00 em caso de reincidência. Nesse período também será feita a apreensão de veículos de quem descumprir a ordem, além da condução forçada por forças policiais.

O toque de recolher não se aplica a pessoas que desempenham atividades essenciais, como profissionais da saúde, funcionários de farmácias, funcionários públicos federais, estaduais e municipais que estejam em serviços essenciais, funcionários de estabelecimentos de abastecimento alimentar (supermercados, padarias e estabelecimentos que atendam por meio de delivery) e pessoas que comprovarem a necessidade de se ausentar das residências por questões emergenciais para atendimento médico ou aquisição de medicamentos.

AÇÕES

A Prefeitura está alinhando uma série de ações para fortalecer a prevenção do coronavírus. Dentre elas, contratando 177 técnicos de saúde para auxiliar na orientação e prevenção do vírus nas ruas, além de auxiliarem no funcionamento de hospitais. O município também garantiu a aquisição, com recursos próprios, mais de 1mil testes rápidos para a detecção do vírus.

Outra ação anunciada é a doação de mantimentos para famílias de baixa renda. São cerca de 3 mil cestas básicas e kits de limpeza doados numa ação coordenada pela Secretaria de Assistência Social do Município.

Leia também