Sobe para 47 o número de casos de Coronavírus no Amazonas

por Naief Queiroz
Sobe para 47 o número de casos de Coronavírus no Amazonas

Subiu para 47 o número de casos de Coronavírus no Amazonas. Dois desses casos são no interior do Estado, na cidade de Parintins. O secretário estadual de Saúde, Rodrigo Tobias de Sousa, tem sintomas de síndroma gripal e está em isolamento social. A informação foi divulgada no início da tarde desta terça-feira (24), pela diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), Rosemary Costa Pinto.

Rosemary informou que há 15 casos em investigação. Cinco pessoas estão internadas. Desses casos, três pacientes estão na rede privada. Os outros dois pacientes estão no Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, na zona Norte de Manaus. A unidade privada está recebendo apenas casos graves da doença. A diretora-presidente afirmou que os pacientes internados apresentam estado estável de saúde.

As idades de quatro das pessoas internadas variam entre 39 e 49 anos.

Um desses pacientes tem 88 anos. Dos casos confirmados, dois estão na cidade de Parintins, que até a segunda-feira (23) tinha um caso confirmado da doença.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE          

A diretora-presidente da FVS afirmou que os laboratórios privados têm a obrigação de informar o Governo do Estado sobre casos positivos da doença. O Laboratório Central de Saúde Pública do Amazonas (Lacen) é o único laboratório credenciado para confirmar oficialmente os casos de Coronavírus no Amazonas. “Hoje, nós temos capacidade para processar até 80 exames por dia, no Lacen. Podemos triplica essa capacidade”, informou Rosemary, na live.

Estado de calamidade pública no Amazonas

Nessa segunda-feira (23), o governador Wilson Lima decretou estado de calamidade pública no Amazonas. Ele também restringiu ainda mais o funcionamento de atividades comerciais e ligadas ao lazer.

Estado de calamidade pública em Manaus Ainda na segunda-feira, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, quem decretou estado de calamidade pública em Manaus para fazer frente aos efeitos da Covid-19, provocada pelo novo Coronavírus, nos aspectos sociais e econômicos. A informação foi divulgada nesta terça-feira.

O decreto 4.787 foi publicado na edição eletrônica do Diário Oficial do Município (DOM) de segunda-feira (23) e, de imediato, o prefeito está encaminhando mensagem à Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) solicitando o reconhecimento, conforme exigido no artigo 65 da Lei Federal Complementar 101 (Lei de Responsabilidade Fiscal).

Leia também