Lula sobre 2022: “Me vejo no palanque de candidato a presidente”

por Naief Queiroz

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) admitiu nesta quinta-feira (23/04) que pode ser candidato à Presidência da República em 2022.

O petista, contudo, não garantiu a ideia. Mas disse que, com certeza, vai estar no palanque, seja quem for o candidato que dispute contra o atual presidente, Jair Bolsonaro (sem partido).

“Me vejo [no palanque de candidato a presidente]. Sendo candidato ou não, eu estarei no palanque defendendo quem for candidato contra o Bolsonaro“, afirmou.

Ele destacou que está com os direitos cassados – e que, portanto, não pode se candidatar seguindo a legislação. Mas disse que pretende reconquistar esses direitos. Ao ser condenado em segunda instância, Lula ficou automaticamente barrado pela lei da ficha limpa.

Durante a conversa, o ex-presidente teceu uma série de elogios ao governador do Ceará, Camilo Santana (PT).

Segundo ele, o estado do Ceará tem condições de fazer com que Camilo Santana seja candidato a presidente.

“Acho que o Camilo tem todas as possibilidades de ser candidato a presidente”, disse e inclui, na sequência, o governador da Bahia, Rui Costa (PT) como possível presidenciável.

Lula disse que já conversou com Camilo Santana. “O que precisa é começar a fazer a trilha para percorrer esse caminho”, complementou.

Leia também