Wilson Lima tem celular e tablet apreendido pela PF em Brasília

por Naief Queiroz

O governador do Amazonas, Wilson Lima, teve o celular e o tablet apreendidos pela Polícia Federal, em Brasília, nesta terça-feira (30).

Wilson foi alvo da operação Sangria, da PF no Amazonas, que investiga desvio do dinheiro público destinado ao combate ao novo coronavírus. A casa do governador, no condomínio Vila Rica, em Manaus, foi alvo de busca e apreensão.

A PF pediu a prisão e o afastamento de Wilson do governo, mas o Superior Tribunal de Justiça negou o pedido. Oito pessoas foram presas, incluindo a secretária de saúde, Simone Papaiz.

Leia também