Grupo que explodia cofres de postos de combustíveis é preso em Manaus

por Stephane

Seis pessoas foram presas, entre a madrugada e a manhã desta quinta-feira (30), suspeitos de integrarem um grupo especializado em explodir e roubar cofres de postos de combustíveis, na capital amazonense. Foram presos Caio Fábio Artur de Queiroz, 25, Deivid Gilberto de Souza Costa, 22, Eduardo Jordan Branches Barros, 28, Janderson Campos Souza, 26, Rainier da Silva Maia, 26, e Werison Souza de Oliveira, 33.

“No momento em que a operação foi deflagrada, Caio Fábio, Deivid, Eduardo, Janderson e Rainier estavam prestes a explodir o cofre do posto de gasolina. Ao serem presos, solicitamos apoio do Grupamento Marte (Grupamento de Manejo de Artefatos Explosivos) para que o artefato encontrado com o bando fosse destruído de forma técnica e com segurança”, revelou o delegado titular da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), Aldeney Goes.

Conforme Goes, as investigações em torno do caso apuraram que os integrantes dessa quadrilha explodiram, pelo menos, cinco cofres na capital só neste ano. Ele destacou, ainda, que as equipes policiais continuam promovendo diligências, a fim de localizar outros membros do grupo.

O titular da Derfd ressaltou, também, que além das prisões em flagrante, a equipe de investigação cumpriu, na manhã desta quinta-feira, mandado de prisão temporária em nome de Werison. O indivíduo está sendo investigado pela participação nos crimes cometidos pelo bando.

Caio, Deivid, Eduardo, Janderson e Rainier foram indiciados por roubo majorado, adulteração de sinal identificador de veículo e quadrilha armada. Já Werison foi indiciado por roubo majorado. Os suspeitos serão encaminhados para a Central de Recebimento e Triagem (CRT) e ficarão à disposição da Justiça.

Leia também