Lula diz que Ciro discursa para ganhar votos da extrema direita: “é lamentável”

por Naief Queiroz

O presidente Lula rebateu, em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta quinta-feira 2/VII, as críticas de Ciro Gomes (PDT) sobre a postura do PT nas eleições de 2018.

“O Ciro é a pessoa mais engraçada do Brasil. Ele não se conforma que para ele ir para o segundo turno, ele tem que ganhar no primeiro turno. O Ciro não passou, é a terceira vez que não passa. Ele quer anular o PT para ir para o segundo turno. É lamentável ele fazer o discurso para ganhar votos da extrema direita”, disse Lula.

Quando questionado sobre os nomes que o PT poderia apresentar para as eleições presidenciais de 2022, Lula respondeu: “é até um pouco de hipocrisia ficar discutindo as eleições de 2022 com 2020 ainda pela frente. Eu acho que nós estamos tentar construir uma alternativa para este país. Eu não posso aceitar perder meus direitos políticos de graça por causa de um conjunto de mentiras contadas pelo Moro e pelo Dallagnol, eu tenho certeza que ele deve estar tomando remédio tarja preta para poder dormir, porque ele usava do Ministério Público para fazer dinheiro”.

A propósito da República de Curitiba, Lula defendeu o julgamento, pelo Supremo Tribunal Federal (STF), da suspeição de Sergio Moro enquanto juiz da Operação Lava Jato. “Eu não quero vingança. Quero Justiça. Por isso nós entramos com um pedido de anulação do processo do Moro na Suprema Corte”, afirmou.

Leia também