Médico é preso suspeito de agredir transexual em motel

por Naief Queiroz

Um médico foi preso nesta terça-feira (13), em Goiás. Ele é suspeito de agredir uma transexual, dentro de um quarto de motel, que contratou para fazer um programa. A vítima teve o nariz quebrado, corte no supercílio e outros machucados no rosto, segundo o Sistema Globo.

À polícia, a vítima relatou que o médico ficou agressivo após a transexual, de 24 anos, recusar um pedido que excedia o combinado antes do programa. Ele se irritou, agrediu a trans com um golpe mata-leão e ainda quebrou alguns mobiliários do quarto do motel. A vítima conseguiu correr seminua até a portaria para pedir socorro, foi quando a Polícia Militar foi acionada.

Ainda de acordo com o site, o médico não comentou sobre as acusações e aguarda audiência de custódia.

Leia também