Mulher que assistiu execução do filho morre em hospital de Manaus

por Naief Queiroz

Marineth Gomes de Abreu, de 66 anos, morreu nesta terça-feira (14) no Pronto-Socorro 28 de Agosto, dias após ter visto o filho ser assassinado na rua Marechal Rondon, no bairro Alvorada, na Zona Centro-Oeste. Na ocasião, o neto dela, de13 anos, também foi atingido.

A idosa chegou em estado grave no 28 de Agosto no sábado (11), minutos depois que quatro criminosos invadiram a casa da família de Marineth e fizeram vários disparos com arma de fogo. Tentando impedir a morte do filho, Charles Gomes, a idosa foi atingida no peito e no pé. O filho de Charles também tentou impedir a ação e acabou levando tiro no abdômen.Wilson Lima vence a batalha política

O caso segue em investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros.

Leia também