TCU suspende coronavoucher de quem recebeu de forma irregular

por Naief Queiroz

O ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União, suspendeu o pagamento do coronavoucher para 565.351 pessoas que receberam irregularmente a primeira parcela do auxílio.

“Essas pessoas deveriam ter devolvido de imediato o que receberam indevidamente , mas só 72.599 (12% do total) o fizeram”, postou o ministro no Twitter.

Ontem, o TCU orientou o Ministério da Cidadania, responsável pelo programa, a divulgar na internet a lista com os nomes das pessoas que não devolveram.

Leia também