Apresentador do Jornal Nacional critica Bolsonaro: ‘imoral e criminoso’

por Naief Queiroz

Flávio Fachel, que apresenta o “Bom Dia RJ” e o Jornal Nacional aos sábados, quebrou o protocolo da TV Globo e criticou o presidente Jair Bolsonaro nas redes sociais.  É regra para os jornalistas da emissora evitar ao máximo comentar política de forma pública.

No Twitter, Fachel se indignou com a decisão de Bolsonaro em desautorizar a compra, anunciada pelo Ministério da Saúde, da CoronaVac, vacina para a  Covid-19, por ser de origem chinesa.
Nenhum presidente, seja ele qual for, não tem autoridade suficiente para abrir mão de qualquer vacina para a covid-19, venha ela de onde vier. É imoral e quase criminoso pretender isso.“, escreveu. 

Jair Bolsonaro sabia da negociação do ministério para aquisição da vacina chinesa e reagiu por causa da repercussão nas redes sociais“, continuou em outro tuíte.

Ao compartilhar um outro post sobre a vacina, que dizia: “Se o problema da vacina é ser chinesa, pode tirar metade das vacinas do país de circulação. A vacina da Hepatite B nos postos de saúde de Porto Alegre, por exemplo, são Sinovac, da China“, Fachel escreveu, por fim: “Bolsonaro governa jogando pra uma torcida cega e ignorante.”.

Leia também