Em Belém, candidato do PSOL vence bolsonarista em disputa acirrada

por Naief Queiroz

A capital do Pará, Belém, foi a primeira a definir o prefeito eleito em segundo turno nas eleições 2020. Edmilson (PSOL) foi eleito com cerca de 52 % dos votos, frente aos cerca de  48% do candidato Delegado Federal Eguchi (Patriota).

A capital paraense foi uma das cidades em que um candidato se apresentou como bolsonarista, após Eguchi tentar ser deputado federal em 2018 pelo PSL, mesmo partido do então candidato a presidente Jair Bolsonaro e não ter logrado êxito.

Edmilson Rodrigues é deputado federal e chega ao terceiro mandato em Belém, depois de ter governador a cidade entre 1996 e 2004, quando ainda era filiado ao PT. Durante a campanha, ele recebeu apoio de artistas paraenses como Gaby Amarantos, Fafá de Belém e Gretchen.

Leia também