Jogador do Inter é demitido após revelar que dopou mulher em festa

por Naief Queiroz

O agora ex-jogador do Internacional Matheus Monteiro, 20, está envolvido em uma grande polêmica. Na última segunda-feira (30), um vídeo dele relatando que dopou uma mulher em uma festa viralizou nas redes sociais.

Na gravação postada pelo colega da equipe sub-20, Luiz Vinicius, o atleta conta que colocou uma “bala”no copo da mulher quando ela estava distraída. O comprimido em questão seria Ecstasy,  uma droga sintética que causou uma agitação e a sensação de euforia no organismo:

“Eu coloquei uma bala no copo dela, e ela ficou daquele jeito. Nem se ligou na cena, ela bebendo aqui, eu peguei o copo dela, quebrei um pedacinho e larguei ali. Ela ficou mal. E eu entrei para o quarto, ela de lá “, diz Matheus antes do vídeo ser interrompido.

O depoimento causou revolta popular e colocou a dupla no centro de uma verdadeira confusão. Com a ampla repercussão, o vídeo foi apagado e os jogadores negaram que a história tenha de fato ocorrido. Matheus fez questão de falar que tudo não passou de uma brincadeira, mas para a polícia, além de dopar a mulher, tudo indica que ele também a estuprou.

Por conta da história, tanto Monteiro quanto Luiz Vinicius tiveram o contrato rescindido com o Inter e agora prestam vão ter que prestar contas à Justiça sobre o caso.

Matheus era um dos destaques do Colorado e era considerado um atleta de futuro brilhante, mas sua carreira junto ao clube parece ter chegado ao fim com a polêmica. O clube lamentou o ocorrido e disse que não compactua com esse tipo de conduta. Nessa terça-feira (1), Matheus e o colega prestaram depoimento à polícia, o caso segue sob investigação.

Leia também