Após post com pênis, Magno Malta diz que celular foi clonado e raqueado

por Naief Queiroz

Depois de um post em que apareciam duas fotos íntimas  ser publicado ontem no perfil do Facebook do pastor e ex-senador Magno Malta (PL-ES) , ele disse que teve o celular “clonado e talvez raqueado”.

“Tem uma pessoa se passando por mim, usando meu perfil no Facebook. Já estou tomando as providências”, disse o pastor capixaba em uma publicação em seu perfil no Twitter na manhã desta quarta (20).

Na publicação com as imagens de um pênis,  Malta reclamava que um  vídeo publicado por ele com a fala do médico Anthony Wong que defendia um tratamento comprovadamente ineficaz contra a Covid-19 e que também morreu recentemente, foi tirado do ar por ser “supostamente falso”.

No canto inferior esquerdo da imagem anexada à publicação deletada, havia duas fotos de um pênis e, ao contrário do que foi dito pelo ex-senador, a publicação não foi tirada do ar, e sim rotulada como uma “informação parcialmente falsa” pela rede social. 

“Os sabichões que se dizem verificadores de conteúdo tirou do ar (sic) dizendo ser supostamente falso [o conteúdo]. Pergunto, o que é falso, o conteúdo do vídeo ou minha pergunta? Ai, ai!”, disse.

Leia também