Estátua de cera de Trump é retirada de museu porque visitantes não param de dar socos nela

por Naief Queiroz

Uma estátua de cera do ex-presidente Donald Trump foi removida da exposição no museu Louis Tussaud’s Waxworks, em San Antonio (Texas, EUA), porque os visitantes não param de dar socos e arranhões nela.

“Sempre tivemos problemas com a seção presidencial porque não importa o presidente – Bush, Obama ou Trump – todos eles apanham”, disse Clay Stewart, gerente regional da Ripley Entertainment, ao “San Antonio Express-News”. A Ripley é dona da Waxworks.

Porém a fúria com Trump excedeu o limite. Stewart disse ao jornal que a estátua de Trump foi espancada o suficiente para deixar marcas profundas em seu rosto de cera, provocando a sua retirada de cena.

Uma estátua de Barack Obama no local perdeu as orelhas seis vezes em ataques de visitantes. O nariz de cera da imagem de George W. Bush sofreu avarias após receber socos.

“As pessoas ficam agressivas por causa da política”, disse Stewart.

Leia também