Connect with us

Amazonas

Distribuidora de gás vence licitações de R$ 1 milhão na Prefeitura de Canutama para fornecimento de veículos de luxo

A equipe de reportagem do Fiscaliza Geral constatou que no endereço fornecido pela empresa que ganhou licitações de veículos no valor de R$ 1 milhão da Prefeitura de Canutama, funciona uma distribuidora de gás em Manaus. O caso foi denunciado pelo Portal Alex Braga nesta terça-feira (11).

A empresa ANDERSON MEDEIROS MOTA – ME ganhou quatro Pregões Presenciais da Prefeitura de Canutama, distante 614 km distante da capital amazonense. As licitações que chegam ao valor de R$ 1 milhão é para o fornecimento de 2 pickup L200 triton, 1 caminhão e 5 botes de alumínio ao município.

No documento publicado no Diário Oficial do Municípios do Estado do Amazonas (DOM-AM), a empresa inscrita no CNPJ sob o Nº 32.580.315/0001-41, está situada no bairro Terra Nova, em Manaus.

Publicação no DOE-AM com informações da empresa

A equipe de reportagem do Fiscaliza Geral esteve na manhã desta quarta-feira (12), no local fornecido pela empresa na documentação assinada pelo prefeito de Canutama, José Roberto Torres de Pontes. A equipe de reportagem localizou no endereço informado uma distribuidora de gás e água. Ou seja, não existem automóveis ou botes.

Placa fixada na fachada da distribuidoras com informações do CNPJ

Na distribuidora de gás e água, existe a placa da empresa ANDERSON MEDEIROS MOTA – ME, com todas as informações e a principal atividade econômica, o Comércio varejista de gás liqüefeito de petróleo (GLP). As informações fixadas na parede como nome e CNPJ são idênticas às divulgadas na homologação das quatro licitações.

Fachada da empresa em Manaus

O repórter André Santos conversou com uma mulher que se identificou como a proprietária da distribuidora de gás e água. Ela informou que no local é apenas comercializado esses itens e que desconhece a participação da empresa nas licitações vencidas para fornecimento de veículos para a Prefeitura de Canutama.

O caso precisa ser investigado pelos órgãos de controle já que o CNPJ da empresa participou e venceu quatro licitações na Prefeitura de Canutama, conforme publicação no Diário Oficial. Porém, os proprietários informaram à reportagem que nunca participaram de nenhuma das licitações.

Advertisement

Leia Também

Copyright © 2021 Observatório Manaus - Desde 2012