Connect with us

Destaques

Maior peixe de água doce já registrado é capturado no Camboja

Phnom Penh, Camboja- Um pescador cambojano capturou uma arraia gigante de 300 quilos no rio Mekong, o maior peixe de água doce registrado na história, segundo os cientistas.

Batizada de Boramy – “lua cheia” na língua khmer – por sua forma arredondada, a fêmea de quatro metros de comprimento foi liberada depois que um chip eletrônico foi colocado para estudar seus movimentos e comportamento.

Pescada na província de Stung Treng, norte do Camboja, a arraia pesava o dobro de um gorila médio, de acordo com os cientistas.

PUBLICIDADE

“Em 20 anos de pesquisa de peixes gigantes em rios e lagos em seis continentes, este é o maior peixe de água doce que encontramos ou que já foi documentado em qualquer lugar do mundo”, afirmou Zeb Hogan, diretor do ‘Wonders of the Mekong’ (Maravilhas do Mekong), um projeto de conservação financiado pelos Estados Unidos.

“É uma descoberta absolutamente surpreendente e justifica os esforços para a melhor compreensão dos mistérios que cercam esta espécie e o incrível trecho de rio onde ela vive”.

Ameaçada pela pesca excessiva, a poluição e a perda de seu habitat, a arraia gigante de água doce é uma espécia protegida.

O espécime bateu o recorde de um bagre de 293 quilos pescado em 2005 no mesmo rio, no norte da Tailândia.

O Mekong é um dos rios mais longos da Ásia (4.350 quilômetros) e abriga a biodiversidade aquática mais importante do mundo depois do rio Amazonas, com mais de 1.000 espécies de peixes.

Exemplares gigantescos de até três metros comprimento são encontrados em suas águas que, com profundidade de até 80 metros, podem abrigar variedades ainda maiores, segundo os cientistas.

Phnom Penh, Camboja- Um pescador cambojano capturou uma arraia gigante de 300 quilos no rio Mekong, o maior peixe de água doce registrado na história, segundo os cientistas.

Batizada de Boramy – “lua cheia” na língua khmer – por sua forma arredondada, a fêmea de quatro metros de comprimento foi liberada depois que um chip eletrônico foi colocado para estudar seus movimentos e comportamento.

Pescada na província de Stung Treng, norte do Camboja, a arraia pesava o dobro de um gorila médio, de acordo com os cientistas.

PUBLICIDADE

“Em 20 anos de pesquisa de peixes gigantes em rios e lagos em seis continentes, este é o maior peixe de água doce que encontramos ou que já foi documentado em qualquer lugar do mundo”, afirmou Zeb Hogan, diretor do ‘Wonders of the Mekong’ (Maravilhas do Mekong), um projeto de conservação financiado pelos Estados Unidos.

“É uma descoberta absolutamente surpreendente e justifica os esforços para a melhor compreensão dos mistérios que cercam esta espécie e o incrível trecho de rio onde ela vive”.

Ameaçada pela pesca excessiva, a poluição e a perda de seu habitat, a arraia gigante de água doce é uma espécia protegida.

O espécime bateu o recorde de um bagre de 293 quilos pescado em 2005 no mesmo rio, no norte da Tailândia.

O Mekong é um dos rios mais longos da Ásia (4.350 quilômetros) e abriga a biodiversidade aquática mais importante do mundo depois do rio Amazonas, com mais de 1.000 espécies de peixes.

Exemplares gigantescos de até três metros comprimento são encontrados em suas águas que, com profundidade de até 80 metros, podem abrigar variedades ainda maiores, segundo os cientistas.

Vital para a sobrevivência de milhões de pessoas no sudeste asiático, o Mekong e sua fauna estão ameaçados pelas dezenas de barragens construídas por Pequim na China, Laos ou Camboja e pela poluição.

Advertisement

Leia Também

Copyright © 2021 Observatório Manaus - Desde 2012