Connect with us

Poder

Bolsonaro: Respeito a bandeira, a esquerda bota fogo nela

O presidente Jair Bolsonaro (PL) reforçou, neste sábado (13), seu apreço pela Bandeira Nacional e afirmou que “é comum” ver militantes da esquerda queimarem a flâmula e profanarem símbolos religiosos. As declarações ocorreram durante entrevista ao podcast do jornalista Rica Perrone, que chegou a atingir a marca de 450 mil espectadores simultâneos na edição com o chefe do Executivo.

– Eu respeito a bandeira nacional. O pessoal da esquerda é comum você ver botar fogo na bandeira nacional e fazer com que os símbolos religiosos sejam profanados. Do lado de lá, sempre preferiram a cor vermelha, que é associada a ditadura no mundo todo – assinalou Bolsonaro.

Ele prosseguiu pontuando que cada vez mais os brasileiros estão demonstrando seu patriotismo usando as cores verde e amarela.

– O pessoal para o lado de cá começou a usar mais o verde e amarelo. Mas não tem nada a ver. É comum andar pelo Brasil e quando passamos em região de fazendas, uma em cada três tem uma vara com a bandeira hasteada. Cada vez mais o país está pintado de verde e amarelo. Não é pela Copa, é pelo patriotismo – afirmou.

O presidente ainda disse que, embora as cores da bandeira venham sendo associadas a ele e seus apoiadores, ele reforçou que elas pertencem a todos os brasileiros.

– É de todos nós, pô. Inclusive, o verde e amarelo começou a surgir na nossa campanha com mais ênfase, né? Quando nós chegamos [na campanha de 2018] começou a se a usar mais ainda. Logicamente, que o pessoal faz uma relação comigo, mas não tem nada a ver, é de todos nós – acrescentou.

Advertisement

Leia Também

Copyright © 2021 Observatório Manaus - Desde 2012